Created: Saturday, 27 June 2020 14:28 | Rate this article
( 0 Votes ) 
| Category: Reviews

Valdemar Cruz, review of Os último anos de Marx. Uma biografia intelectual, Expresso, 27 June, 2020.

 

No dia 5 de janeiro de 1879, o jornal "The Chicago Tribune" publicava uma entrevista com o filósofo alemão Karl Marx (1818-1883).

Ja com 61 anos, Marx deixa uma resposta lapidar e premonitória: "Se eu fasse responder a tudo o que foi dito e escrito sobre mim, teria de contratar 20 secretários." Lon­ge de ser ditada por sobranceria, a frase revela, antes de mais, a essencial noção do quanto, jà então, o seu pensamento era deturpado e manipulado, como continuou e continua a suceder, não obstante o renovado interesse e estudo dos seus conceitos teóricos. Embora se circunscreva aos últimos anos de vida de Marx, num arco temporal situado en­tre 1881 e 1883, quando sucumbe à sua própria doença e após dois anos mar­cados por dramas familiares, problemas económicos e a morte da mulher e companheira de luta, a ativista Johan­na von Westphalen, o livro do italiano Marcello Musto e um bom ponto de partida para uma viagem por algumas componentes do universo marxista. Centrado nos dois últimos anos de vida do filósofo, um período sobre o qual ha a tendência para acolher a ideia de um Marx menos produtivo e incisivo, esta pequena biografia põe em evidencia o modo como, ate naquele período difícil do ponto de vista pessoal, este não deixou de estender as suas investiga­ções aos mais diverses domínios. Com base em manuscritos pouco conhe­cidos, Musto mostra como o autor de "O Capital" passa a interessar-se pela matemática, pela antropologia, pelas particularidades do mundo árabe e até pelas questões do colonialismo euro­peu. Musto inclui ainda entrevistas com Eric Hobsbawm (1917-2012), um dos mais reputados historiadores marxistas ingleses, membro do PC da Grã-Bre­tanha desde 1931 ate a sua extinção em 1991, e com Immanuel Wallerstein (1930-2019), um dos mais influentes sociólogos dos EUA e membro do "Gang of Four", grupo de academicos dedicados ao estudo e abolição do capitalismo global.